Notícias

AEP aplaude “Next Generation EU” mas pede urgência
Importa assegurar que os apoios cheguem rapidamente às economias europeias

O acordo entre o Conselho e o Parlamento Europeu relativamente ao próximo orçamento de longo prazo e ao instrumento de recuperação temporário “Next Generation EU”, no valor global de 1 800 mil milhões de euros, merece o aplauso da AEP. Importa agora assegurar a conclusão rápida dos passos seguintes para que os apoios possam finalmente chegar às economias europeias de uma forma célere e eficaz, alerta a AEP em comunicado enviado à imprensa. 

Reconhecendo que “estes apoios constituem importantes vias para ajudar a Europa a enfrentar os graves desafios provocados pela pandemia e, simultaneamente, robustecerem o perfil de uma Europa mais ecológica, mais digital e mais resiliente”, a AEP sublinha com agrado o compromisso de políticas tradicionais, como a política de coesão, continuarem a receber um apoio significativo, que se traduz num aspeto muito importante para países como Portugal.

Neste contexto, o presidente da AEP, Luís Miguel Ribeiro, reafirma a necessidade de Portugal aproveitar o novo período de programação dos Fundos Europeus para alocar às prioridades que defende para o país, quer em termos estruturais, nomeadamente através de uma aposta na inovação, na melhoria da competitividade das empresas - onde a reindustrialização constitui, como a AEP tem defendido, uma oportunidade na reorganização das cadeias de abastecimento a nível global - e na qualificação do capital humano, em termos imediatos no combate aos impactos fortemente negativos da crise pandémica, evitando uma maior destruição da riqueza e do emprego.

Leia o comunicado na íntegra

Área Reservada

Eventos

Ver Todos os Eventos >>

Torne-se associado

A AEP oferece aos seus Associados uma série de vantagens nos serviços que presta.

Associe-se à AEP!

Siga-nos no Linkedin