Notícias

A Inteligência Artificial ao serviço da internacionalização
Disponível o nº 16 de revista BOW

“A Inteligência Artificial (IA) está no centro da transformação digital, que estamos a viver, nomeadamente o machine learning traduzido em modelos de representação de conhecimento com base em conjuntos de dados que possibilitam aos algoritmos ‘aprender´ a partir de um grande volume de dados, o big data. Não é ficção científica, é uma realidade que evolui muito rapidamente e já está presente na vida das pessoas e das empresas”, define assim Luís Miguel Ribeiro, presidente da AEP, o tema do 16.º número da revista BOW, “A Inteligência Artificial ao serviço da Internacionalização”.

A abrir a discussão desta tão importante temática, um texto de Paulo Vaz, administrador da AEP, que começa por traçar os desafios que a pandemia traz ao mundo e às empresas e de que modo a Inteligência artificial (AI) pode tornar-se num instrumento imprescindível para a boa gestão dos mercados, dos clientes e dos negócios, entre outras valências. 

Nesta edição da revista BOW é também possível ler os artigos de importantes conhecedores da realidade IA, nomeadamente da DefinedCrowd, empresa portuguesa de análise de dados com recurso à Inteligência Artificial, sediada nos EUA, em Seattle. Mas também da Talkdesk, que cria call centers digitais para atendimento ao cliente de empresas em tempo recorde e que está sediada em São Francisco, e ainda da Unbabel, que põe os centros de atendimento a cliente de uma qualquer empresa a falar a língua de qualquer mercado no mundo e que opera também a partir de São Francisco. São empresas criadas por talento português que estão a dar cartas na IA e os seus representantes falam sobre os produtos e serviços que desenvolvem e de que modo estão a tornar globais os seus negócios e os dos seus clientes. 

Muito interessante também é o artigo de Mário Rui Costa, da Altice Labs, que fala sobre a aplicação prática da IA e seus impactos nas empresas e no mundo.

Ainda neste número, na secção Radar Internacionalização, o destaque vai para as associadas da AEP António Meireles e António Salgado. Os mercados-alvo em destaque são o Chile, Colômbia e Peru, acompanhados dos dados da Deloitte, muito úteis para o trabalho de internacionalização das empresas.

Veja aqui a revista

Boa leitura!

Área Reservada

Eventos

Ver Todos os Eventos >>

Torne-se associado

A AEP oferece aos seus Associados uma série de vantagens nos serviços que presta.

Associe-se à AEP!

Redes Sociais


Siga-nos no Linkedin